7 dicas para aumentar as vendas de uma loja infantil na internet

Por Miriam Barros

Com o dia das crianças apontando no horizonte, toda atenção estará voltada para o segmento infantil. Em outras palavras: essa é uma ótima oportunidade para aumentar as vendas de uma loja virtual que atua no setor. 

E a data pode ser mais um reforço para a expansão do e-commerce que vem crescendo em ritmo acelerado nos últimos meses. 

Ao longo de 2020, por exemplo, a expansão do comércio digital foi de 75%, representando 11% das vendas do varejo brasileiro, segundo o índice SpedingPulse.

Neste ano, o e-commerce segue em ritmo acelerado. Somente no primeiro trimestre, o comércio virtual teve um faturamento de R$ 25,2 bilhões em vendas.

A aceleração das vendas online foi uma das respostas do mercado para a pandemia e o lado positivo desse cenário desafiador é que as compras virtuais devem continuar como uma tendência.

No relatório "Recovery Insights: Commerce E-volution", especialistas projetam que cerca de 20% a 30% da mudança de consumo para o digital seja permanente.

Com esse ambiente promissor, elaborar estratégias de vendas para uma loja, especialmente em datas sazonais, é uma das maneiras de explorar o potencial do e-commerce.

Para termos uma ideia, em 2020, as datas sazonais foram responsáveis por 34% de todo o faturamento do e-commerce, segundo o relatório Webshoppers da Nielsen.

Sendo assim, neste artigo, separamos dicas que vão ajudá-lo a  aumentar as vendas de sua loja virtual do segmento infantil, inclusive, reforçando algumas estratégias para o dia das crianças.

Então, se você possui uma loja infantil e quer otimizar seu crescimento no ambiente digital, não deixe de acompanhar a leitura!

Loja online gratuita Confere Shop

Por que se planejar para o dia das crianças?

Como vimos em dados anteriores, o e-commerce está em crescimento progressivo, cultivando terreno fertil para vendas, principalmente, nas datas comemorativas.

Com a proximidade do dia das crianças, é fundamental que os negócios do segmento infantil criem ações especiais para a data, as quais podem ser decisivas para uma loja se destacar.

E tais esforços fazem todo o sentido:

De 27 de setembro a 12 de outubro de 2020, por exemplo, o comércio digital infantil teve um faturamento de R$ 2,4 bilhões (Nielsen).

Só no plano das vendas diárias, o índice chegou a impressionantes R$ 162 milhões em transações dentro do período.

7 dicas para aumentar as vendas no dia das crianças

Estes dados revelam o potencial do mercado disponível para expansão. Mas antes de investir no setor, pense nas melhores estratégias para sua loja se destacar

Afinal de contas, serão muitas ofertas de brinquedos, roupas, acessórios no período e é importante fugir do "mais do mesmo".

Além disso, é preciso pensar além do dia das crianças e criar um planejamento estruturado para o crescimento do seu e-commerce. 

Nesse sentido, para aumentar seu faturamento – no dia das crianças, mas também fora das datas sazonais – veja as dicas que preparamos para sua loja virtual do segmento infantil vender mais.

 

 

#01. Diversifique seu catálogo

O aumento da compra online vem acompanhado do aumento da oferta online e da competitividade de mercado.

Por isso, para não passar batido entre tantos outros, busque oferecer produtos diferentes, expandindo seu catálogo, além, claro, de ficar atento às tendências do momento.

Lembre-se: o brinquedo, roupa ou produto em alta será o mais pesquisado. Sua loja pode aproveitar essa onda para testar novos produtos e até precificações.

Isso pode despertar interesse de seu público-alvo, levá-lo a conhecer mais a sua loja, e quem sabe, alguns deles não se tornam clientes fiéis?

A ideia se aplica também a lojas virtuais que possuem um público-alvo mais amplo, e que não são diretamente do segmento infantil:

Reforçar aquela parte do seu catálogo voltada para as crianças é a chave para novas vendas nessa época do ano.

 

#02. Aposte numa vitrine virtual atrativa

Sabemos que no período próximo ao feriado começarão as buscas por presentes, e para uma loja virtual, é importante criar estratégias para atrair esse público.

Dentre essas procuras, haverá pessoas que já sabem o que comprar; enquanto, outras estão dando “só uma olhadinha”.

O ideal é atrair os dois perfis e uma vitrine virtual bem planejada pode ser o ponto-chave para impactar, converter e expor seus melhores produtos.

A vitrine virtual permite uma linguagem visual bem mais ampla. Além disso, ela pode ser construída de diferentes formas: 

  • Como um espaço exclusivo dentro do seu site com produtos de destaque;
  • Como um catálogo online que você pode compartilhar nas redes sociais, no qual são expostos produtos de maneira estratégica;
  • Como um link de pedido que pode ser divulgado para os seus clientes no WhatsApp, visando melhorar suas experiências de compra.  

 

#03. Faça promoções

Comumente, já esperamos diversas promoções em datas festivas. Às vezes, o consumidor até aguarda momentos como black friday, dias das mães, entre outras, para comprar.

Sabemos que há a possibilidade de encontrar produtos bons e mais em conta. Mas não se engane: não é qualquer promoção que convence.

Cada vez mais o consumidor está atento às estratégias de marketing do mercado e analisa com lupa o que de fato vale a pena.

Neste sentido, pense em oferecer algo a mais, que conquistará seu cliente assim que ele ver seu produto no Google Shopping, por exemplo.

Outro ponto que pode ser pensado é o frete: uma vez que o valor do envio é um fator determinante para os consumidores.

Dados da pesquisa Webshoppers citada acima mostram que os pedidos com frete grátis aumentaram em 41% no ano passado. 

Além de oferecer um frete gratuito, outros benefícios como brindes, cupons, kits, sorteios, também são boas opções para aumentar as vendas de sua loja infantil.

 

#04. Engaje sua base

Entre tantas estratégias de atração, a base de clientes que te segue em redes sociais ou que já comprou em sua loja online não pode ser esquecida.

Afinal de contas, conquistar novos consumidores é importante, mas nutrir uma relação e fidelizar clientes pode gerar uma receita maior do que você imagina.

Segundo um estudo recente, a retenção de 5% da base de clientes pode gerar um lucro de 25% a 95%. 

Isso porque o custo de retenção é menor quando comparado ao de atração.

Além disso, um relatório da Edelman afirma que confiar na marca é a terceira consideração feita por brasileiros antes de realizar compras.

Portanto, engaje sua base e seja criativo com conteúdos personalizados para o perfil de público da sua loja.

 

#05. Procure aliados

Buscar parcerias pode ser um caminho bem interessante para quem deseja ganhar dinheiro na internet – e isso também vale para uma loja do segmento infantil. 

As “collabs” (abreviação para colaboração em inglês) ficaram famosas com os produtores de conteúdo e influenciadores digitais.

Eles perceberam que estas parcerias rompiam bolhas, e os faziam ganhar mais visibilidade, seguidores. Para um e-commerce, a mesma lógica pode ser aplicada.

Procurar aliados para promover ações de marketing digital ou até trabalhar com modelos de estoque compartilhado pode ser bom para as duas lojas, sendo elas competidoras diretas ou indiretas. 

 

#06. Busque influenciadores que façam sentido para sua marca

Como mencionado acima, os produtores de conteúdo conquistaram um espaço considerável dentro da publicidade.

Por serem influenciadores, eles conseguem alcançar muitas pessoas e promover um produto com bastante eficiência no meio digital.

Dependendo da maturidade e potencial de investimentos da sua loja, buscar a parceria com algum produtor de conteúdo ou influenciador com engajamento no segmento infantil pode ser uma boa estratégia.

 

#07. Estratégia de marketing multicanal

Finalmente, uma estratégia de marketing multicanal pode ser a base para um posicionamento eficiente no ambiente online.

Cada canal de comunicação possui um nicho, além de dinâmicas diferentes. Sendo assim, estar presente em diversos canais de relacionamento (do Instagram Shopping ao Mercado Livre) pode atrair clientes, expandir a marca e gerar vendas.

Vale ressaltar que é importante conhecer o canal de comunicação, e estar atento à qualidade do conteúdo ali disposto.

Além disso, leve em conta a realidade da sua loja infantil, refletindo se faz sentido e se há equipe disponível para gerir os canais.

Confere Shop loja online grátis

3 recomendações para quem deseja investir em uma loja virtual infantil

Mas ainda não acabou! Se você está pensando em investir no segmento infantil, veja alguns pontos que sua loja virtual deve ficar de olho.

 

Acompanhe a legislação acerca da publicidade infantil

Muito se discute sobre publicidade infantil. Essa pauta já gerou muito debate, afinal, crianças possuem um senso crítico em desenvolvimento.

Sendo assim, além de sensibilidade, o empreendedor precisa ficar atento às leis do e-commerce e do varejo voltadas para uma loja do segmento infantil.

 

Pesquise as oportunidades do mercado

Ficar de olho nas tendências do setor infantil é importante para definir seu portfólio e decidir o que sua loja irá vender na internet. 

Veja algumas tendências que podem agradar às crianças e suas famílias no dia 12 de outubro e ao longo do ano:

  • Brinquedos;
  • Moda, acessórios e vestuário;
  • Livros infantis;
  • Jogos;
  • Esporte e lazer.

Uma outra alternativa voltada para uma loja pode ser a oferta de serviços educacionais, como cursos online voltados para o público infantil. 

 

Invista em uma plataforma gratuita

Existem diversas maneiras de vender pela internet. É possível ofertar produtos utilizando um Marketplace, Instagram e Facebook.

Outro caminho é contar com sua própria loja online. As vantagens vão desde mais autonomia de personalização a ferramentas exclusivas de gestão nativas.

Com a Confere SHOP, por exemplo, você pode criar uma loja virtual responsiva em apenas 3 minutos e sem pagar nada e ainda contar com uma série de recursos para crescer no e-commerce

Além da navegação fluida para os clientes, os lojistas contam com um aplicativo intuitivo que possibilita que toda a gestão da sua loja virtual seja feita pelo celular.

Confira outros benefícios que a Confere SHOP oferece para você:

 

Conclusão: mão na massa

Como vimos ao longo do artigo, o e-commerce é um local rico de oportunidades, entretanto, é preciso saber como aproveitá-las.

Além disso, vale a pena acompanhar algumas recomendações de marketing para que sua loja se posicione de modo eficiente, sem ferir os protocolos para as vendas no segmento infantil. 

Por fim, investir em uma plataforma online grátis pode ser o caminho ideal para quem está iniciando sua jornada no comércio digital. 

Siga os passos que listamos aqui e as de sua loja infantil crescer de modo contínuo serão muito mais concretas. Boas vendas!

Nova call to action

Este texto foi escrito por João Barros.