Aumente as vendas em seu restaurante com 9 dicas valiosas!

Por Miriam Barros

Segundo o SEBRAE, todos os anos o setor de alimentação fora de casa cresce 10%.

Sabendo disso, você que é empreendedor deve ficar sempre por dentro das novas tendências do mercado em que atua!

Aproveitamos o momento para comentar, inclusive, que cada vez mais o número de pagamentos em cartão só cresce.

A quantidade de pessoas que anda apenas com "dinheiro de plástico" está cada vez maior e não aceitar cartões em um estabelecimento significa perder um número considerável de vendas.

Por isso, se você ainda não aceita cartão em seu estabelecimento, está na hora de mudar e se modernizar!

Frisamos isso porque não adianta seguir todas as dicas valiosas e, na hora de receber o pagamento, limitar as opções do seu consumidor. Desse jeito, será muito difícil aumentar as vendas do seu negócio!

Mas, se este não for o seu caso e se você estiver pronto para receber diversos tipos de pagamento, chegou a hora de melhorar ainda mais a sua estratégia!

Continue a leitura e coloque as dicas em prática o mais rápido possível. ;) #ConfereAi!

Nova call to action

 1. Prepare a sua equipe

Imagino que você, leitor, já deva ter ido para muitos restaurantes na vida.

Os que ficam marcados em nossa memória normalmente se encaixam em duas categorias: aqueles que possuem uma comida muito peculiar e bem preparada, oferecendo uma refeição para se guardar na memória... E aquele em que você foi tão mal atendido que não pretende nunca mais voltar, independentemente da qualidade da comida.

Vamos aos fatos: todo mundo gosta de ser bem atendido, e um bom atendimento faz parte da experiência de sair para comer fora.

Por isso, é extremamente importante fazer com que sua equipe compreenda o valor de um bom atendimento, pois ele pode ser vital para o seu restaurante.

Por isso, é bom alinhar alguns pontos com o seu time para que o atendimento seja considerado satisfatório pelos seus clientes, garantindo o seu retorno:

  • Seus atendentes estão tentando, de fato, vender durante o atendimento? É importante que a postura não seja apenas passiva, e que o atendente demonstre estar interessado em entregar a melhor experiência para o cliente, desde o atendimento até o final de sua refeição.
  •  Eles conhecem de fato o que você vende? Seus atendentes precisam saber mostrar os pontos fortes de seus produtos e serviços.
  •  Eles não precisam se ater ao óbvio: a experiência pode ser construída através da oferta de guloseimas, cafezinho, sobremesas... Muitas vezes esse é o desejo dele que nem ele mesmo sabe! Por isso, faça seu time oferecer mais. Dessa forma, consequentemente, vocês irão vender mais também.
  •  Tenha momentos de troca com a sua equipe. A troca de relatos e experiências entre os membros de um time pode ajudar a fortalecer a equipe e incentivar outros membros a adotarem novas posturas, inspirando-se em outras histórias.

2. Melhore o seu atendimento

Um restaurante constrói uma experiência completa, que não inicia nem termina na hora da refeição.

O ambiente, a iluminação, disposição de elementos (mesas, cadeiras, decoração), música, cheiros... O ideal é que os clientes se sintam confortáveis em todos os momentos em que estiverem em contato com o seu restaurante.

Um ambiente bem planejado é essencial para que o seu restaurante seja reconhecido e, consequentemente, gere um bom número de vendas.

A interação com os clientes deve ser saudável e descontraída.

O atendente pode auxiliar o cliente que ainda não está certo sobre o que quer consumir.

Suposições e recomendações são bem vindas desde que o espaço do cliente seja respeitado para que ele possa decidir em paz, sem se sentir pressionado por sua equipe.

Alguns clientes chegarão ao seu restaurante pela primeira vez e não conhecerão as opções do seu cardápio. Treine sua equipe para guiá-los quando se sentirem perdidos sobre qual opção devem apostar.

Planilha controle de estoque

3. Faça a sua equipe vender melhor

Realizar uma venda é o objetivo mínimo de um empreendedor.

É importante saber, contudo, que através de uma venda é possível ganhar muito mais.

Vender melhor, neste caso, significa obter a satisfação do seu cliente.

Um cliente satisfeito retorna para o estabelecimento que foi bem atendido e bem servido, mas, para alcançar um bom nível de atendimento, é necessário ser transparente com toda a equipe.

Busque, portanto, educá-los sobre os benefícios dos produtos que são oferecidos em seu restaurante e quais são as margens de lucro de cada um nas vendas.

É importante fazê-los perceber quais são os produtos mais valiosos e quais são os momentos oportunos para oferecê-los.

Muitas vezes, seus clientes podem desejar algo específico na própria refeição sem saberem que é possível pedir (trocar o molho, o dobro de queijo, molhos de outros sabores etc).

Ao dispor dessas possibilidades para o cliente, existe a possibilidade de ele aceitar incrementar o lanche e, consequentemente, você ganhar mais dinheiro por cada venda.

4. Tenha uma equipe bem informada

Todos os membros da sua equipe precisam conhecer o seu cardápio melhor do que ninguém.

Cada vez mais tem se tornado imprescindível conhecer os ingredientes que compõem os mais diversos pratos.

Isso porque, por muito tempo, as opções eram escassas para pessoas que possuem restrições alimentares dos mais diversos tipos.

Hoje em dia os mais diversos clientes podem chegar à sua loja. E seria interessante pensar na particularidade de cada um deles, para poder atender a todos sem exceção.

Quantas vezes não nos deparamos com clientes vegetarianos que possuem como única opção do cardápio uma porção de fritas?

Ou pessoas que são intolerantes à glúten e, diante da falta de opção, acaba deixando de sair com os amigos para comer?

Essas pessoas, assim como todas as outras, se encantam ao chegar em um restaurante e ver que aquele estabelecimento se preocupou com a sua limitação.

E, para isso, é importante ter uma equipe preparada que saiba exatamente do que é composto cada prato servido em seu restaurante.

A falta de atenção a esse aspecto pode deixar clientes furiosos (já imaginou, um vegetariano mordendo um pastel que, ao invés de queijo, tem carne ou frango em seu recheio? ou pior: uma reação alérgica por falta de informações suficientes sobre a refeição em questão?), e pode resultar em uma impossibilidade de retorno futuro.

Atente-se para deixar tudo muito detalhado em seu cardápio também, pois alguns clientes gostam de ter essas informações sem que seja necessário perguntar para um atendente.

5. Treine seu time para oferecer boas sugestões

Conhecer o seu cardápio a fundo, como já comentamos, é essencial para entregar uma boa experiência para o cliente.

Outro ponto a se trabalhar é o ensinamento sobre harmonizações presentes em seu cardápio.

Saber sugerir itens que harmonizam e combinam para o seu cliente pode garantir uma venda mais lucrativa.

Para estimular o desejo dos seus consumidores, elabore cardápios visualmente bem trabalhados, simples e fáceis de compreender.

Mas, como comentamos, não economize nas informações sobre as refeições. Elas podem ser a peça chave para o seu cliente optar ou não por um prato.

Planilha Controle de cartões

6. Crie boas promoções

Existem diversas modalidades de promoções que costumam ser benéficas tanto para o empreendedor, como para o cliente.

É muito comum encontrarmos, por exemplo, combos que combinam dois ou mais itens e que acabam fazendo com que clientes economizem um pouco, garantindo, muitas vezes, o seu retorno.

Existem promoções que são aplicadas em dias específicos da semana, com o intuito de atrair mais fluxo nestas datas. Por exemplo: clone/double de algum item em determinado dia, 50% de desconto em algum item em outro dia... O céu é o limite, desde que você planeje a promoção e não dê descontos exorbitantes, que no final vão prejudicar o seu caixa.

Alguns estabelecimentos fazem promoções para quem trouxer mais pessoas para o local. Essa tática é interessante pois, além de beneficiar os clientes, garantem vendas maiores para você.

É bom ter em mente que estas promoções devem entregar vantagens para os consumidores, a ponto de fecharem mais facilmente uma compra!

7. Entregue sempre mais!

Como falamos anteriormente, restaurantes são empreendimentos que reúnem uma série de fatores que constroem uma experiência única para o cliente.

Cada restaurante, portanto, tem a sua mecânica e seus processos internos, mas o ideal é que você não se prenda aos moldes clássicos e esteja sempre aberto a conhecer as novas possibilidades de venda para o seu negócio.

O sistema de delivery tem se tornado uma tendência cada vez mais presente no dia a dia dos consumidores, pela facilidade e comodidade do serviço.

A quantidade de aplicativos que facilitam este processo é grande e com uma certa frequência surgem novas opções destes serviços.

Então, se o seu restaurante ainda não trabalha com delivery, que tal pesquisar sobre estas possibilidades? Muitas vezes os arredores do seu estabelecimento podem ser uma fonte boa de novas vendas.

Também existe a possibilidade de fechar pacotes de refeições para funcionários de empresas, garantindo clientes fidelizados e recorrentes.

A moral deste ponto é: sempre buscar novas formas de vender mais. o foco em vendas é necessário, pois a demanda por alimentação é constante, afinal, todo mundo precisa se alimentar!

8. Clientes também levam para casa!

Cada pessoa tem sua rotina específica e o ideal é que você consiga se adaptar às particularidades dela, e não o contrário.

Alguns clientes podem passar em seu restaurante querendo levar pratos para viagem e, neste caso, é sempre bom investir em boas embalagens para conservar bem o seu produto.

Quando um cliente está com pressa e só deseja levar o prato para casa, não esqueça de oferecer alguns itens extra na hora de receber o pagamento, pois muitas vezes eles nem sabem que desejam algo, até ouvirem as possibilidades!

9. O seu cliente sempre merece o melhor

Já me deparei com casos em que os empreendedores se incomodam com visitas de clientes que não consomem tantos itens em suas lojas.

Muitas vezes o cliente só quer sentar em uma mesa, talvez usar a internet grátis e pedir uma água.

Nestes casos, como em todos os outros, procure entregar o melhor atendimento possível.

Hoje, este cliente pode não estar com tanta fome. Mas amanhã, existe a possibilidade de ele lembrar do seu restaurante, do seu bom atendimento, e retornar com vontade de aproveitar uma refeição. Talvez, inclusive, ele não vá sozinho na segunda vez!

É sempre bom pensar no conceito de relacionamento, tendo em mente que uma visita pode se tornar algo recorrente. Isso acontece, principalmente, quando um cliente se sente confortável e bem atendido em um estabelecimento.

Outro ponto importante a ser levado em consideração é o de sempre oferecer algo extra para ele. Se ele sentou e só pediu uma água, ofereça o seu melhor petisco. Talvez ele esteja com fome e nem saiba disso.

Nova call to action

Esperamos que a leitura tenha sido útil e abra a sua mente para novas possibilidades de gerar vendas! 

Lembre-se que, para ter certeza que o seu estabelecimento está crescendo e indo para o caminho certo, é essencial ter o controle de todas as suas vendas.

Sabemos que restaurantes costumam aceitar diversas formas de pagamento (dinheiro, cartões, tickets) e, quanto maior for o número destas possibilidades, mais dificuldade os gestores têm de controlar todas estas vendas.

Por isso, convido você a conhecer a Confere, uma plataforma 100% online que ajuda pequenos e médios empreendedores a realizar conciliação bancária e conferência de vendas de forma automática e segura!