Domínio próprio: como criar o seu e a importância de ter um!

Por Miriam Barros

Como criar o seu domínio próprio? Esse assunto certamente é do interesse de quem está pensando em vender online e aproveitar desse mundo de oportunidades.

Segundo dados do site Consumidor Moderno, o e-commerce no Brasil deu um tremendo salto, cresceu 75% somente em 2020 e está em ascensão em 2021.

O que mostra o potencial das vendas online para quem é empreendedor ou dono de loja virtual.

Então, se você está começando no mercado digital, precisa entender como criar o seu domínio próprio e qual a importância de ter um.

Loja online gratuita Confere Shop

O que significa ter seu domínio próprio?

Domínio ou URL é o endereço virtual de sua loja. Define a forma como seus clientes irão buscar pela sua empresa na internet.

Existem os domínios gratuitos, embora eles não sejam confiáveis e não ofereçam os recursos que um domínio pago oferece.

E, existem os domínios próprios, que são pagos e trazem os nomes dos sites, como exemplo:

  • Suaempresa.com.br
  • Fulano(nome)com.br

Até porque quando o site não tem um domínio registrado, nas buscas feitas pelos usuários na internet, o domínio gratuito não aparece nas primeiras páginas do buscador.

Existem ainda as extensões, que são:

  • .com
  • .net
  • .org
  • .edu

Isso muda conforme seu ramo de atuação. Por exemplo, o .com é para empresas do comércio, em geral.

Ao registrar um domínio, você garante o uso dele por um ano, que pode ser prorrogado.

Assim, sua marca fica protegida e disponível para todos na internet, basta digitar seu nome na barra de endereço do navegador ou nos mecanismos de buscas para ter acesso.

E registrar um domínio traz muitas vantagens, como vamos explicar a seguir!

Quais as vantagens de ter um domínio próprio?

Existem plataformas que deixam você criar e colocar seu site no ar sem comprar um domínio, o que não recomendamos é que você faça isso, porque passa uma imagem amadora para as pessoas, o que pode prejudicar a confiabilidade de sua marca.

Então, vale a pena ter um domínio próprio e custa pouco em termos financeiros.

Outras vantagens incluem:

 

1. Dá mais credibilidade à sua loja virtual

A principal vantagem de ter um domínio próprio é assegurar a credibilidade de seu site ou loja virtual.

Significa mostrar aos clientes que sua loja se preocupa em oferecer uma experiência mais satisfatória e completa a eles. No caso de transações financeiras, isso é ainda mais preocupante aos olhos do cliente.

Então, ter um domínio próprio passa mais profissionalismo e confiabilidade aos usuários.

 

2. Ajuda na divulgação e memorização do nome

O domínio próprio ajuda na divulgação e memorização do nome, pois o cliente e outros usuários estão sempre sendo remetidos para o próprio nome.

Então, trata-se de uma vantagem importante para que as pessoas se lembrem do nome, o qual deve ser simples e ir direto ao ponto.

 

3. Alcance nas pesquisas no Google

Outro benefício de ter um domínio próprio, é que nas buscas de gigantes como o Google ou Bing, a preferência desses mecanismos é para quem tem domínio próprio.

O que significa que seu site pode ser melhor ranqueado nas pesquisas feitas. Assim, seu site recebe mais acessos dos usuários, o que traz mais viabilidade de fechar negócios.

 

4. Domínio de e-mail próprio

Outra vantagem em ter um domínio próprio é que sua empresa terá contas de email personalizadas. Por exemplo, contato@seusite, dentre outras opções existentes.

Ter um domínio de email próprio ainda oferece outras vantagens, como: passa mais confiança em relação a um e-mail que vem de um nome pessoal qualquer.

Isso é zelar pela sua imagem profissional, ou seja, como empreendedor.

 

5. Proteção do nome da sua loja

Há pessoas que ainda esquecem desse ponto, mas não deveriam, pois qualquer um pode registrar o domínio com o nome de sua marca, e isso você não quer!

Sendo assim, você precisa registrar seu domínio, antes que outro faça isso, visando proteger o nome de sua loja.

Isso é também zelar pela sua reputação no mundo online. Então, proteja o nome de sua marca usando domínio próprio!

 

6. Baixo custo de aquisição

Registrar um domínio próprio, diferente do que muitos pensam, fica barato, segundo informações disponibilizadas pela maioria dos serviços de compra de domínios, custa menos que R$ 50,00 por ano.

Existem vários tipos de planos na hora de contratar um domínio, e todos com descontos variados.

O que é um impulso a mais para ter o seu, certo?

Ter domínio próprio tem baixo custo de aquisição e pode trazer retorno considerável para sua loja, tanto em questão de ganho de visibilidade quanto vendas.

 

7.  A questão do SEO

Quando se tem um domínio próprio fica mais fácil elaborar as técnicas de SEO (search engine optimization), e ainda acompanhar o tráfego da sua página por meio de mecanismos, como o Google Analytics.

Assim, você tem dados de monitoramento do comportamento do cliente, bem como os produtos mais procurados, os conteúdos mais acessados etc.

Desse modo, você consegue otimizar suas técnicas de SEO e criação de conteúdo para melhorar o desempenho de seu site.

 

8.  Sem anúncios não desejados

Quando se tem um domínio gratuito, você e seu cliente tem que passar pelos anúncios indesejados.

O que ocorre para cobrir os custos dos serviços de domínio gratuito.

Mas pense na experiência do seu usuário, ele não gostará de ver anúncios a todo momento, enquanto navega no seu site.

Então, está aí mais um motivo para contratar um domínio próprio para seu site. Pense no seu cliente e em sua satisfação.

Confere Shop loja online grátis

Como criar um domínio próprio?

A primeira coisa a fazer é verificar se o nome deseja está disponível ou outro empreendedor já faz uso do mesmo.

Você verá logo abaixo como saber se o nome do domínio está disponível.

Mas tire um tempo para pensar no melhor nome, liste para você alguns possíveis nomes de domínio, afinal, isso é importante pois você estará se posicionando na internet e tem influência nos mecanismos de buscas.

Veja o que fazer em forma de um passo a passo a seguir.

 

Escolha a plataforma para adquirir o domínio 

Primeiro, é hora de escolher a plataforma para adquirir o domínio. Você pode inclusive usar o Registro.br, o qual é muito estratégico e lhe oferece todas as categorias do br.

De modo geral, analise bem a plataforma antes de escolher registrar seu domínio, muitas têm custos menores, mas não vale a pena por ter recursos mais limitados.

 

Confira se o nome escolhido está disponível

Após a escolha da plataforma, é hora de ver se o endereço desejado está disponível, inclusive, no Registro.br você consegue fazer uma pesquisa do nome desejado.

O bom é que por meio de uma pesquisa nessa plataforma Registro.br, se o nome estiver registrado, ela te passa opções de nome similares.

Para conferir que tipo de terminação (nome) fica melhor para sua loja, essa plataforma lhe oferece ajuda e sugestões.

 

Cadastre-se no serviço de hospedagem

Após consultar o domínio, é hora de fazer o cadastro no serviço de hospedagem. Ou seja, você vai fazer a contratação da hospedagem para sua loja.

Com a hospedagem seus arquivos do seu site estão salvos em um servidor, que é um computador central pensado para esse fim.

Assim, sua marca fica acessível para qualquer um acessar e de qualquer lugar do mundo.

Outro ponto, já passou o tempo de que contratar o domínio era somente para grandes empresas. Isso hoje está bem difundido e necessário. Você pode contratar o domínio na mesma plataforma que te oferece a hospedagem, como a HostGator, por exemplo.

É preciso ir no campo e clicar em Criar conta e informar os dados que são solicitados, como nome, email, endereço e outros. 

 

Faça o pagamento

Em seguida, você faz o pagamento e tem sua disponibilidade de domínio por um ano, geralmente, mas pode prorrogar depois.

Depois de fazer o pagamento, o Registro.br direciona o endereço de seu site para o domínio que foi definido.

 

Cuidado com golpes!

Algumas pessoas fazem uma fraude com os boletos de pagamentos dos domínios, geralmente, são boletos falsos, com valor em torno de R$ 100,00, em média.

Então, cuidado!

Os domínios brasileiros são geridos oficialmente pelo Registro.br, que cuida da atividade de registram, manutenção e renovação dos mesmos. 

Qualquer dúvida, você deve entrar em contato com o Registro.br para certificar se está tudo certo com seus pagamentos e registro.  

 

Proteja sua marca dos concorrentes

Certamente que você tem medo que sua marca seja copiada, certo? Então, o que fazer? Protegê-la dos concorrentes.

Você pode fazer isso usando os domínios suplementares. Isso é importante porque todas as pessoas estão sujeitas a fazer confusão entre dois sites ou serem direcionadas para um outro por erro ao digitar o nome.

O que você vai fazer? Compre domínios que são parecidos com o seu. Para isso, faça uma lista dos possíveis nomes que podem aparecer quando alguém buscar ou tentar entrar no seu site.

Você pode ainda fazer a inclusão do nome de domínio com outras extensões, como: .org, .net, .info. É por aí.

Nova call to action

Como criar o seu próprio domínio de e-mail? 

Neste post você conferiu o que é domínio próprio: como criar o seu e a importância de ter um! Agora, você sabe que o processo de criação do domínio é bem simples.

Alguns serviços de hospedagem como o HostGator, por exemplo, oferecem no seu plano de criação de domínio da loja, a criação de domínio de e-mail. 

Alguns serviços de hospedagem nem cobram por isso, você precisa de uma ferramenta que faça a integração do seu site com sua conta de email.

Existem, então, algumas alternativas para você fazer sua escolha. E cada uma dessas alternativas de hospedagem tem um passo a passo diferente, basta seguir o direcionamento de cada plataforma.

Fazendo esse registro você garante confiabilidade, maior divulgação de sua marca, passa uma boa imagem para seu público-alvo, dentre outros fatores.

Veja mais sobre a importância de ter um domínio próprio de email!

Nova call to action

Este texto foi escrito por Luiza Cristina Sousa.