Saiba o que é branding e elabore uma boa estratégia

Por Miriam Barros

De modo geral, o branding é o processo fortificador de identidade da sua marca. Esse processo é parte importante das empresas e é uma das formas de definir o quanto sua marca pode crescer.

Por exemplo, já parou para se perguntar o motivo de algumas pessoas pagarem mais por produtos ou serviços mesmo sabendo que existem similares mais baratos? 

Nós vemos isso com os produtos da Apple, que trabalha com tecnologia e em outros segmentos, como a famosa Gillette, focada em aparelhos de barbear e higiene pessoal.

Para que fique claro o conceito de branding, podemos nos aprofundar nessa estratégia e entender seu impacto para as empresas! Confira:

Nova call to action

O que é branding?

O branding pode ser descrito como o poder que o serviço ou produto tem como marca. Se refere a empresas que estão no mercado tão consolidadas que sua marca pode, por vezes, passar a ditar a identidade de todos os produtos do mesmo segmento.

Isso se refere tanto a produtos quanto às empresas em s!  Para exemplificar, você já ouviu falar da Gillette, não é mesmo? Por sua invocação, a marca foi líder do mercado por décadas. 

Essa consolidação e apresentação de liderança agrega valor à marca e faz com que as pessoas se sintam seguras em pagar mais por aquele produto, pois sua imagem forte transmite personalidade e garantia de qualidade. 

Muito além da identidade visual, o branding é, na prática, uma forma de fazer com que sua empresa seja lembrada. A imagem é importante, claro, mas no caso do branding, o foco é ser uma referência no mercado.  

Na prática, isso significa que criar a sua identidade visual não basta para construir uma marca forte. Embora ela seja essencial, você precisa pensar também em como a sua empresa quer ser vistam, lembrada e como consolidar esse posicionamento.

Qual o impacto do branding?

As empresas interagem com seus clientes de maneira clara! Seja o Mc Donald’s, Starbucks, Outback; enfim, esses estabelecimentos possuem uma coisa em comum: seus slogans e campanhas de marketing têm a intenção de transmitir as sensações que os clientes terão no ambiente.

Para isso, aliado ao branding está o brand equity! A definição para ele é a forma como os consumidores se comportam em relação a uma marca, incluindo os sentimentos citados acima e a forma como encaram os preços.

Por esse motivo, quanto maior o brand equity, mais chances de comercializar um preço diferenciado com seus produtos. Pegando o exemplo citado anteriormente, a Apple é uma grande representando disso.

O brand equity da Apple tornou-a mais que um produto no mercado! Os usuários de smartphones da Apple têm em mente as vantagens do aparelho no que diz respeito à qualidade, durabilidade, experiência e, claro, superioridade em relação aos concorrentes.

Como aplicar o branding em empresas pequenas?

Para elaborar uma estratégia de branding no seu negócio, independente se o seu segmento é blindagem de carros ou um restaurante, alguns pontos precisam ser seguidos. Os 4 passos iniciais são:

Dar um nome

Nos dias de hoje essa decisão precisa levar em consideração principalmente o comércio eletrônico e as formas de se destacar nele. É importante ser criativo, atrativo e simples!

 

Identidade visual

Depois do nome, o design da sua identidade é essencial. Isso diz respeito às cores, logotipo, fontes, gráficos e slogans. Tudo isso contribui para uma experiência satisfatória do usuário.

Personalização das embalagens

Não podemos falar de “marca” sem algo que evidencie isso, não acha? O investimento em embalagens e etiquetas personalizadas é indispensável para o desenvolvimento da sua marca!

 

Comunicação

Comunicação é a alma de todo negócio! Independente da sua empresa trabalhar com gerador de energia ou cosméticos, as marcas devem saber lidar com os meios de comunicação mais relevantes para o seu público-alvo.

 

Nova call to action

Tenha uma estratégia de sucesso

Por fim, neste conteúdo falamos sobre branding, explicando o que é apresentando alguns exemplos de como funciona. O que achou? 

Concluímos que branding não se refere apenas à criação de um nome ou publicações de textos para o blog da sua marca, pois é um conjunto de estratégias que têm como objetivo criar a identidade da sua marca.

As empresas pequenas que desejam aderir à estratégia de branding devem começar com a criação de um bom nome, elaborar a identidade visual, personalizar as etiquetas e possuir uma boa comunicação com seu público-alvo.

Seguindo esses passos seu negócio pode acompanhar o ritmo dos consumidores e, com certos cuidados, se consolidar no mercado e se tornar referência no segmento.

Esse artigo foi escrito por Andre de Angelo, redator do Soluções Industriais.