Guia completo: máquina de cartão Rede

Por Camila Honda

A Rede é uma das provedoras de soluções financeiras mais populares entre os empreendedores, pois oferece modelos de máquinas de cartão que atendem pequenos e grandes negócios.

Responsável por realizar transações e mediar conexões, a operadora traz uma grande variedade de serviços e modelos de pagamentos.

Há aparelhos tradicionais, com fio, sem fio e PinPad, modelos avançados, como a Smart Rede, maquininhas que não usam celular ou bobina.

Com a grande variedade oferecida pela operadora, os usuários passaram a ter dúvidas quanto à eficácia de cada uma das maquininhas.

Taxas, mensalidade, mobilidade, preço, entre outros pontos são levados em consideração no momento de escolher a melhor máquina de cartão para o seu estabelecimento.

Pensando nisso, separamos as principais informações sobre cada uma das máquinas de cartão Rede, para auxiliá-los na escolha da melhor maquininha para a sua empresa!

Vamos conhecer as maquininhas?

#ConfereAi! <3

 

Neste post, você vai ver:

  • Sobre a maquininha da Rede
  • Planos da maquininha Rede
  • Taxas maquininhas Rede
  • Modelos de maquininha da Rede
  • Mobile Rede
  • Maquininha sem fio
  • Maquininha com fio
  • Smart Rede
  • Soluções TEF
  • Pin Pad
  • Mobile TEF
  • POS TEF
  • Bônus: crie uma loja na Confere!
  • Controle suas maquininhas Rede com a Confere!

Sobre a maquininha da Rede

A Rede é uma operadora do Banco Itaú, mas para utilizar seus serviços, não é preciso necessariamente ter uma conta no banco. 

Essa condição só é imposta caso o vendedor deseje receber as vendas a crédito em um ou dois dias. 

Caso contrário, será aplicado o prazo comum de 30 dias para recebimentos em contas de outras instituições.

A novidade da marca agora é a taxa de antecipação: não é mais preciso pagar para receber em dois dias úteis as vendas de crédito à vista.

Planos das maquininhas Rede

Existem duas modalidades de planos para aderir à Rede, e no site da adquirente, você pode simular para ver qual seria ideal para o seu negócio.

De acordo com as informações do site, os planos são: Aluguel Zero e Aluguel Padrão.

O primeiro é feito para aqueles com faturamento acima de R$ 5 mil/mês e o segundo tem custo de R$69,00, para todas as máquinas de clientes com faturamento abaixo de 5 mil.

No aluguel padrão, o lojista recebe o valor na conta corrente durante o mês e o valor integral é cobrado apenas no início do mês seguinte, descontado dos recebimentos do dia.

O mesmo acontece com o plano aluguel zero, porém ao atingir o faturamento mínimo, o lojista tem de volta na conta em poucos dias 100% do valor do plano.

Taxas das maquininhas Rede

A Rede também conta com uma solução para pessoa jurídica (PJ), com taxas especiais voltadas para lojas que vendem de R$ 10 mil a R$ 100 mil/mês.

As taxas variam de acordo com o porte do comércio.

Para empreendimentos com faturamento de R$ 10 mil a R$20 mil as taxas cobradas são:

  • Débito 1,90%
  • Crédito à vista 3,09%
  • Crédito parcelado 3,49% (+1,99% por parcela a partir da 1ª para recebimento de todas as parcelas em 2 dias e +1,99% para recebimento em 30 dias)

De R$ 21 mil a R$ 50 mil:

  • Débito 1,59%
  • Crédito à vista 2,59%
  • Crédito parcelado 3,09% (+1,99% por parcela a partir da 1ª para recebimento de todas as parcelas em 2 dias e +1,99% para recebimento em 30 dias)

De R$ 51 mil a R$100 mil:

  • Débito 1,29%
  • Crédito à vista 2,29%
  • Crédito parcelado 2,89% (+1,99% por parcela a partir da 1ª para recebimento de todas as parcelas em 2 dias e +1,99% para recebimento em 30 dias)

Para novos credenciados que são clientes Itaú, há um benefício: durante um período de três a sete meses, não é cobrado aluguel.

Ao concluir o intervalo de tempo, a operadora disponibiliza a possibilidade de zerar o valor do aluguel para aqueles que utilizam o plano Adapt – veja detalhes aqui.

Dessa forma, a redução se dá de acordo com o aumento do faturamento. A mensalidade começa com a redução de 25%, podendo chegar a 100%.

De modo geral, podemos dizer que as taxas são:

  • Débito - 1,99%
  • Crédito - 4,97%
  • Parcelado 12x (antecipação) - 25,38%

Modelos de maquininha da Rede

Quando falamos que a maquininha da Rede era popular, não foi por acaso. 

No final de 2019, havia cerca de 1,5 milhões de máquinas do grupo ativas pelo Brasil em estabelecimentos de 1 milhão de clientes.

Esse número é reflexo da sua credibilidade e opções de modelos. 

Todas as maquininhas aceitam aproximação, e podem ser utilizadas em pontos de vendas ou em entregas. Os chips possuem planos de dados incluso em seu valor total.

Cada dispositivo possui suas características, e pontos que podem ser vantagem ou desvantagem, dependendo do estágio do empreendimento.

Vamos ver os exemplos de cada modelo?

 

Mobile Rede

A maquininha Mobile Rede transforma smartphone ou tablet em uma maquininha de cartão.

O cliente recebe suas vendas a crédito em até dois dias úteis e pode cancelar o serviço sem pagar multas.

Segundo o site da Rede, a maquininha é boa para pessoas físicas e jurídicas, profissionais liberais, microempresários e pequenos lojistas.

Ela se adequa a segmentos de venda direta, feiras, eventos e serviços em geral.

O cliente pode gerenciar suas vendas pelo Portal Rede ou aplicativo e sua bateria tem duração de até 72 horas.

Ao adquirir essa maquininha, o cliente dispõe de suporte técnico 24h, todos os dias da semana, sem custos adicionais.

Diversas bandeiras são aceitas, e a operadora disponibiliza acesso a relatórios de transações e estornos de venda por meio do aplicativo Mobile Rede ou Portal Rede.

Para utilizar a maquininha é necessário acesso à internet, seja por 3G/4G ou wi-fi. O leitor Mobile Rede é conectado ao celular ou tablet por Bluetooth.

As taxas aplicadas nas vendas são:

  • Débito: 2,99% por transação
  • Crédito à vista: 6,50% por transação
  • Crédito parcelado em até 12x: 8,50% e acréscimo

mobile-rede

Mobile Rede

Maquininha sem fio

Ideal para negócios que precisam de mais mobilidade, é possível levar a maquininha sem fio até o seu cliente.

Varejistas que buscam mobilidade e fazem vendas fora do ambiente comercial podem, certamente, apostar nela!

Segundo o site da Rede, ela é perfeita para lojas físicas em geral, prestadores de serviço, bares e restaurantes.

Afinal, ninguém quer levantar da mesa e ir até o caixa depois de curtir uma noite no barzinho, não é?

Para obter essa maquininha, é necessário pagar um preço fixo por mês que inclui o aluguel da máquina e as taxas de crédito e débito, sem necessidade de adesão.

A maquininha sem fio aceita as principais bandeiras do mercado, e o seu assinante recebe suas vendas no crédito à vista em apenas dois dias úteis.

Em caso de problema, o cliente pode contar com suporte técnico 24h, sete dias por semana sem custos adicionais.

Essa maquininha também oferece recargas de celular das operadoras Vivo, Tim e Claro, também sem custos adicionais (e o operador ainda recebe comissão por cada recarga realizada).

Além disso, quando a bobina está perto de acabar, a Rede envia outra através de um sistema inteligente que estima quando o estoque do vendedor está acabando.

Assim, quando ele atinge o limite mínimo, o sistema envia um novo kit para o seu estabelecimento. Maravilha, né?!

Como comentamos, a conexão da maquininha é por meio de chip e não necessita de linha telefônica.

Sua bateria dura em média seis horas, caso seja frequentemente utilizada.

A maquininha sem fio aceita cartões de débito, crédito e voucher (refeição e benefícios).

Maquininha-sem-fio

Maquininha sem fio

Maquininha com fio

Na maquininha com fio da Rede, o vendedor realiza suas vendas direto do caixa ou balcão, necessitando de uma linha telefônica e energia elétrica.

Os cartões aceitos são débito, crédito e voucher (refeição e benefícios).

Essa maquininha é boa para estabelecimentos que se localizam fora da área de cobertura das operadoras de celular, ou para aqueles que efetuam suas vendas apenas no balcão.

O aparelho é ideal para lojas físicas em geral, prestadores de serviço, bares, restaurantes e estacionamentos em subsolo (onde o sinal de celular costuma não funcionar).

Para adquirir a maquininha, o varejista precisa pagar um preço fixo por mês que inclui a maquininha e as taxas de crédito e débito.

O modelo aceita as principais bandeiras de cartão, e o contratante recebe suas vendas no crédito à vista em dois dias úteis.

Assim como a maquininha sem fio, essa opção também aceita recarga para celular e oferece comissão para cada recarga realizada.

Nesse caso, a bobina também é enviada automaticamente quando o sistema inteligente da Rede identifica que o número médio de transações do contrato foi realizado.

Além disso, ao pagar R$5,30 por mês, o varejista recebe mensalmente, pelos correios, um extrato em papel com o detalhamento de todas as transações realizadas com cartão de débito e crédito, além dos valores liquidados e debitados pela Rede.

Sua conexão é feita diretamente pela linha telefônica e não utiliza bateria: esse modelo é conectado à tomada.

Os cartões aceitos são débito, crédito e voucher (refeição e benefícios).

Smart Rede

Para utilizá-la, é necessário se conectar por meio de 3G, Wi-fi ou cabo, uma vez que o envio dos comprovantes do cliente pode ser feito por e-mail e SMS.

A Smart Rede possui ferramentas adicionais como câmera de leitura de QR Code e código de barras, duas entradas USB, microfone, impressora, etc.

É possível imprimir os comprovantes de venda pela máquina, além de enviá-los automaticamente por e-mail.

E os pagamentos podem ser feitos com cartões de chip e tarja, tanto de débito, crédito, voucher e private label.

Com design inovador, a Smart Rede possui telas touch screen e tecnologia com sistema Android, o que possibilita que lojista e cliente acompanhem simultaneamente a transação.

Com design inovador, ela acaba entregando modernidade para o ambiente e melhora a experiência de uso das maquininhas de cartão.

Através da Smart Rede, é possível fazer o download de diversos aplicativos que facilitam o negócio do empreendedor.

Além disso, os aplicativos vão auxiliar na gestão e no controle de vendas do estabelecimento. Por eles, o cliente pode fazer:

  • Consulta de cheques;
  • Conciliação financeira;
  • Acompanhamento de estoque;
  • Pagamentos com Samsung Pay, Apple Pay e Google Play;
  • Emissão de relatórios inteligentes.

Smart-Rede-300x254

Smart Rede

 

Soluções TEF

Como podemos notar, a Rede oferece diversos modelos de maquininhas, que conseguem alcançar a demanda de diversos tipos de negócio.

Além das destacadas, há também modelos:

  • TEF sem fio (móvel, chamada Mobile TEF);
  • Pin Pad (fixa para automação comercial com conexão via cabo USB ou serial).

Cada um destes modelos podem te atender de uma forma, basta analisar o momento financeiro do negócio, volume de vendas, e calcular o custo-benefício.

Como falamos no artigo POS x TEF, as maquininhas TEF (Transferência Eletrônica de Fundos) são integradas a um sistema que permite um controle maior de vendas em fluxos grandes facilitando o processo de conciliação bancária através de relatórios.

As maquininhas desse nicho são:

Pin Pad

Ideais para estabelecimentos que realizam venda no balcão/caixa, elas possuem integração com a automação comercial e gestão para o seu negócio.

Os dados são protegidos de forma bastante segura!

Essa maquininha funciona muito bem para supermercados, hipermercados, farmácias, lojas de departamento, restaurantes, lojas de materiais de construção, livrarias e qualquer comércio que possua um grande fluxo de transações.

A maquininha aceita as principais bandeiras do mercado de cartões de crédito, débito e voucher.

A possibilidade de recebimento das vendas em crédito é de até dois dias úteis e o contratante pode gerenciar suas vendas pelo site ou aplicativo Rede.

Em caso de defeitos, ela oferece suporte técnico 24h sem custo adicional.

Com essa maquininha, você pode acessar diariamente informações financeiras e demonstrações das transações realizadas com cartão em seu negócio.

Todas as transações são criptografadas, garantindo ao cliente a proteção dos dados no processo de compra.

Para adquirir, é necessário pagar uma taxa de adesão, aluguel e sua conectividade.

O aparelho possui bateria interna e é conectado diretamente pela linha telefônica.

Pin-Pad

Pin Pad

Mobile TEF

Essa solução é indicada para estabelecimentos que necessitam de mobilidade.

Ela permite o gerenciamento das vendas através de um celular smartphone ou tablet, e é integrada à automação comercial e ao sistema TEF.

Segundo o site da Rede, ela melhora a experiência de compra dos clientes, evitando filas e aumentando a conversão de vendas.

A solução entrega controle e inovação para o seu negócio e tudo é feito por conexão Bluetooth com o smartphone ou tablet.

Ela é ideal para bares, restaurantes, hipermercados, lojas de departamento, eletroeletrônicos, vestuário etc.

A maquininha aceita as principais bandeiras do mercado e possui suporte técnico 24h sem custo adicional.

A impressão dos comprovantes de venda pode ser feita por impressora, e-mail ou SMS.

Todas as transações são criptografadas, garantindo maior segurança para o cliente.

Para adquirir, é necessário pagar uma taxa de adesão, de aluguel e de conectividade.

Uma informação importante sobre essa maquininha, é que diferente de muitas soluções TEF que integram outras adquirentes, nesse caso apenas a adquirência da Rede é possível.

Ou seja, não será possível integrar outras adquirentes ao aderir a essa máquina.

 

Mobile-TEF

Mobile TEF

POS TEF

Essa maquininha também é perfeita para estabelecimentos que precisam de mobilidade, e possui integração à automação comercial e ao sistema TEF, possibilitando a customização da aplicação.

Isso significa que você pode personalizar o software de acordo com o seu estabelecimento e tipo de negócio!

Ela também possui múltiplos tipos de conexão: GPRS e Wi-fi.

É ideal para postos de combustível, bares, restaurantes, serviços de delivery, distribuidores etc.

A maquininha aceita as principais bandeiras de mercado e tem suporte técnico 24h sem custo adicional.

POS-TEF

POS TEF

Bônus: Controle suas maquininhas Rede com a Confere!

O recebimento em cartões é uma necessidade para qualquer negócio, mas esse é apenas o primeiro passo para o sucesso de sua empresa no mercado.

Para não correr riscos com a gestão financeira, uma das principais etapas consiste no uso de soluções que podem potencializar seu crescimento, evitar perdas de capital e organizar seus processos de automatizado.

Dentro deste contexto, a conciliação de seus pagamentos em cartões é determinante dentro de sua operação financeira e hoje, você pode contar com o suporte da tecnologia para apoiá-lo. 

Na Confere, por exemplo, você consegue controlar e acompanhar todas as suas vendas e recebimentos em cartão.

É possível centralizar todas as informações de suas maquininhas e acompanhar as taxas cobradas por cada venda, tendo assim um panorama completo das transações via cartão.

Além disso, você poderá ver quando irá receber cada parcela, e fazer sua conciliação bancária para saber se a operadora de cartão te pagou tudo de forma correta.

Quer saber mais? Veja um resumo de tudo que a Confere oferece para você:

  • Atualização automática de dados de vendas;
  • Fluxo de Caixa sincronizado com maquininhas;
  • Conciliação automática de vendas em cartão;
  • Conferência automática de cobrança de taxas;
  • Controle automático de recebimento de parcelas;
  • Todas as suas maquininhas em um só lugar;
  • Vendas de cartão em um só lugar;
  • Veja suas vendas de todas as maquininhas juntas, sem complicação;
  • Faça a conferência das suas vendas de cartão e benefícios;
  • Descubra qual é a maquininha que você mais vende;
  • Compare vendas de cartão de seus estabelecimentos e saiba onde está lucrando mais;
  • Veja os dados de vendas de todos os seus estabelecimentos em uma única plataforma.

Vale salientar ainda que um dos erros mais recorrentes no controle financeiro é a falta de acompanhamento das taxas cobradas pelas operadoras de cartão e dos recebíveis.

Muitos lojistas desconhecem ou não controlam o valor das taxas das transações por bandeira, operadora e acabam correndo riscos financeiros.

Uma maneira de driblar isso é com a automação de processos. Este é um passo importante para deixar as operações da sua empresa mais eficientes.

As planilhas manuais, no geral, são muito complexas e podem acabar virando um obstáculo para a sustentabilidade financeira do seu negócio.

Já a conciliação de cartões automatizada permite um controle minucioso de cada operação de pagamento realizada via cartão de crédito ou débito.

Dessa forma, será possível acompanhar as taxas cobradas pelas operadoras com precisão, dando uma visão clara do fluxo de caixa, inclusive, de suas maquininhas da Rede.

 

Conclusão

A Rede possui muitas soluções financeiras para pagamentos e, como vimos, é bem popular no varejo nacional.

Suas tecnologias atendem variados tipos de clientes, comércios em estágios de maturidade e faturamento distintos.

Entretanto, apesar da solução conseguir satisfazer muitas demandas, vale ressaltar que cada negócio é único, e para ter sucesso na hora de escolher sua maquininha, é necessário compreender suas reais necessidades.

O primeiro passo poderia ser conhecer as outras maquininhas do mercado. Se quiser fazer um comparativo da maquininha da Rede com outras marcas, não deixe de conferir nosso ranking de maquininhas!

Assim, você conseguirá saber se a Rede ou outro modelo de maquininha vale mais a pena para sua empresa. E lembre-se: independentemente de sua operadora, o controle e conferência das máquinas de cartões pode ser automatizado com o apoio das soluções da Confere!