Novidades do Instagram para empreendedores em 2022

Por Miriam Barros

Entre as redes sociais, o Instagram se destaca ao liderar a comercialização na internet. Sua interface amigável, novidades frequentes, as ferramentas e recursos disponíveis para os empreendedores são alguns dos responsáveis por sua popularidade no ramo dos negócios online.

Outro fator importante é o número de usuários. O Instagram possui cerca de 99 milhões de usuários ativos no Brasil

Esse número coloca o país em terceiro lugar no ranking global de engajamento da rede.

Dados divulgados pelo próprio Instagram mostram também que 70% dos consumidores dizem procurar produtos na plataforma. 

Em outra pesquisa, foi levantado que 55% dos usuários já usaram a rede para conversar com empresas.

Por sua vez, 59% já compraram a partir de descobertas no Instagram e 58% fizeram aquisições por indicação de influenciadores.

Com estes números, é indiscutível a importância de investir no Instagram como canal principal de vendas ou como suporte para aumentar seu faturamento ao conquistar mais clientes.

A rede social já era atrativa e ideal para ser colocada em uma estratégia comercial de vendas, mas agora em 2022, alguns recursos ganharam atualizações e novidades surgiram para ajudar mais quem comercializa pela rede.

Continue lendo e veja como utilizar o Instagram para turbinar suas vendas.

Por que vender pelo Instagram?

A popular rede social dispõe aos seus usuários o Instagram Shopping, ou sacolinha do Instagram como é mais conhecida.

Essa ferramenta deu um upgrade na rede social e agora os usuários podem empreender de modo consistente na plataforma. 

Não por acaso, ela já é uma das mais utilizadas no Brasil em estratégias de marketing e vendas.

A sacolinha do Instagram é uma das novidades da rede que tem atraído empresas de todos os portes interessadas em ampliar seus canais comerciais no e-commerce.

Isso porque se trata de uma ferramenta de loja virtual que possibilita vender e promover produtos para todos os usuários da rede.

Inclusive a funcionalidade foi uma das responsáveis por impulsionar as vendas pelas redes sociais em 2020.

Atualmente, a rede se tornou praticamente indispensável para divulgação e venda de produtos, pois serve de portfólio e como uma vitrine das lojas nativas digitais ou das híbridas, presentes em espaços físicos e virtuais.

Em suma, o Instagram Shopping é uma área em que os usuários podem comprar produtos diretamente dos perfis de lojas dos seus interesses de forma rápida e descomplicada.

Além disso, perfis na rede que possuem esta ferramenta disponível podem marcar os produtos que estão à venda em seu catálogo com uma tag – similar a marcação de outros perfis.

Com esta tag, seus seguidores também conseguem acompanhar os produtos e seus respectivos preços diariamente em links no seus feed, stories e reels.

Vantagens do Instagram para empreendedores

As principais vantagens do Instagram são:

  • Maior visibilidade para o site;
  • Disposição de informações chaves e tags;
  • Diminui desistências no check-out;
  • Posicionamento em uma das redes mais utilizadas do país
  • Expansão de marca;
  • Novos canais de venda;
  • Aumento de faturamento.

Sobre a questão da visibilidade de seu site, ao adicionar links dos produtos, isso pode aguçar a curiosidade do consumidor e o levar para uma navegação mais completa pelas prateleiras virtuais.

Com as tags, por sua vez, é possível disponibilizar os preços dos produtos divulgados na rede social e terminar com a cultura do “preço inbox”.

Este caminho leva para outro mais esperado: a conversão. Com as marcações, não só os preços são mais visíveis como também o processo de compra é mais rápido.

Por estar na mesma plataforma, é fácil para o comprador, e consequentemente contribui na redução das desistências de compras.

Assim como há uma página para os stories, reels, feed, IGTV, existe também uma aba Loja, que segue os mesmos princípios: indicar produtos de acordo com algoritmos.

Aparecer neste “explorar”, é uma incrível chance de aumentar a carteira de clientes, seguidores e promotores da marca.

Como vender pelo Instagram?

Agora que você já conhece as principais novidades do Instagram para 2022, que tal revisar os passos para vender na plataforma?

Para acessar a ferramenta de shopping no Instagram, é preciso se enquadrar nas políticas e critérios específicos da plataforma. Por isso, nem todas as lojas são aptas e conseguem utilizar essa função.

Após solicitar a opção, a conta profissional passará por uma avaliação.

Dessa forma, para conseguir aprovação, habilitar a sacolinha do Instagram e começar a vender pela rede, alguns passos precisam ser seguidos, tais como:

 

Foto do perfil

As informações visuais conseguem dizer muita coisa e o Instagram acredita nisso também.

Tanto que exige que o perfil que solicitou o recurso loja tenha a logo marca como foto de perfil.

 

Domínio próprio

Outro critério é a necessidade de possuir domínio próprio. Isso significa que é preciso ter um site de e-commerce com no mínimo oito produtos cadastrados.

 

Proximidade com o Facebook

O Instagram e o Facebook fazem parte da mesma companhia.

Não por acaso, lojas que não possuem páginas no Facebook não conseguem disponibilizar a ferramenta de sacolinha.

 

Políticas da plataforma

Não são todos os produtos que podem ser vendidos no Instagram Shopping e, no momento de solicitação, isso precisa ser descrito.

Produtos como medicamentos, armas e produtos eróticos, são alguns da lista de proibidos.

 

Perfil profissional

Ter um perfil profissional não consiste somente em mudar as configurações da conta, mas também a gerenciar como tal.

Por isso, a plataforma fiscaliza os conteúdos postados, e nega a opção “sacolinha” para perfis com fotos pessoais.

 

Link na bio

A frase “Link na bio” é uma das mais famosas no Instagram, pois este é o único local disponível para adicionar um link fixo na timeline.

Nesse sentido, a plataforma exige que seja posto na bio do perfil o link para o site da loja, para verificar sua legitimidade.

 

Conteúdos valem pontos

De início, o Instagram avalia se a página tem pelo menos nove postagens. 

Mas não fique por aí, é importante para o negócio manter uma produção de conteúdo constante e de qualidade, para melhorar seu posicionamento de acordo com os critérios do algoritmo da rede.

 

Não fui aprovado. E agora?

Caso a sua loja não atenda a um ou mais dos critérios acima, é possível realizar a solicitação novamente.

Basta adaptar seu perfil para que ela seja aprovada e assim continuar com o processo de ativação no Instagram Shopping.

 

Conclusão: o Instagram vale a pena para os empreendedores?

A resposta, definitivamente, é sim! 

Como pontuado ao longo do texto, o Instagram se estabeleceu como uma rede social decisiva para o varejo e para os empreendedores de modo geral. 

Estima-se que cerca de 92% dos usuários usem o aplicativo no mínimo 1 hora por dia.

Dos pesquisados, 53% disseram entrar na plataforma várias vezes por dia, e 80% acreditam que a rede é uma ponte com grande potencial para aproximar a relação entre empresas e consumidores.

Deste modo, aposte em deixar o seu perfil do Instagram bonito e atrativo, aplique estratégias de marketing digital para converter sua audiência em clientes e expandir sua rede de seguidores. Se empenhe, por fim, em criar um feed com uma boa vitrine virtual e aproveite as novidades para dar um gás no seu negócio!

 

Este texto foi escrito por João Barros.