Saiba como aceitar pagamentos por app de mensagens e redes sociais!

Por Miriam Barros

O que queremos?  Muita segurança e saúde para todos! Como queremos? Sem precisar parar nossas atividades para que isso aconteça!  Quando queremos? Agora, de preferência!

Então vamos lá?

Criamos este conteúdo com o intuito de te apresentar soluções de pagamentos para períodos como o que estamos passando agora.

Uma das lições que podemos tirar do momento atual do nosso país é que precisamos, acima de tudo, cuidar das pessoas. Isso inclui nossos colaboradores e nossos clientes!

Demonstração Confere

As compras online cresceram!

Devido ao isolamento por causa da pandemia, vendas de mercados e itens de saúde cresceram bastante pela internet.

Por não poderem ir aos shoppings, os consumidores estão se voltando ao comércio eletrônico.

Isso resulta em um aumento de demanda grande e em uma necessidade de adaptação dos comércios para atender esse público. Essa adaptação inclui, obviamente, proteger funcionários e entregadores.

Startups como "Eu Entrego", que conecta entregadores autônomos a empresas, presenciou um aumento de cinco vezes nos pedidos de supermercados e mercearias.

Já o Mercado Livre presenciou um aumento de 15% nas categorias de saúde, cuidado pessoal e alimentos, em relação ao mês de fevereiro deste ano. Em relação ao mesmo período do ano passado, o crescimento foi de 65%.

Já no varejo físico, os lojistas estão enfrentando tempos sombrios. No dia 16/03, o fluxo de visitantes caiu 27,1% em relação às demais segundas-feiras de 2020.

O maior impacto foi nas lojas de shopping, que tiveram 43% a menos de consumidores. A tendência, infelizmente, é que essa queda se acentue nos próximos dias. 

E qual a lição que tiramos disso?

Para não pararmos todas as atividades das empresas, está claro que a movimentação neste período será concentrada em compras online e delivery.

Por isso, trouxemos soluções de pagamento para que você continue aceitando cartões nessa época!

Planilha Controle de cartões

Cielo Super Link

Com a Cielo Super Link, é possível aceitar cartão sem maquininha. 

Tudo o que o comerciante precisa é criar um link de pagamento e vender. A praticidade é de todos: tanto de quem está vendendo como de quem está comprando!

Para contratar a Cielo Link, basta acessar este site. Para realizar uma venda, são 3 passos: cadastre, gere o link de pagamento e receba a sua venda por link!

O link de pagamento pode ser enviado por diversas plataformas: Facebook (por inbox ou comentários), Instagram (por direct ou comentários), E-mail (receba pagamento por link e envie informações da venda por e-mail), Whatsapp (enviando o link diretamente por uma conversa) ou SMS (enviando o link por mensagem de celular).

 

As taxas da Cielo Super Link para cada forma de pagamento são:

Débito: a partir de 2%

Crédito à vista: a partir de 2,50% (em até 31 dias)

Crédito parcelado: a partir de 3,25% (em até 31 dias)

Tarifa de adesão: GRÁTIS

 

Os planos disponíveis são:

Sem mensalidade (sem mensalidade, sem consultas antifraude e sem boletos emitidos)

Inicial (mensalidade de R$24,90 / 25 consultas antifraude / 5 boletos emitidos)

Especial (mensalidade R$49,90 / 60 consultas antifraude / 20 boletos emitidos)

Mega (mensalidade R$69,90 / 100 consultas antifraude / 30 boletos emitidos)

Para saber mais informações sobre a Cielo Super Link, acesse aqui.

Planilha Conciliacao Bancaria

Mercado Pago

Com o Mercado Pago, você pode transformar as redes sociais em pontos de venda! É possível receber dos seus clientes na mesma hora em que manda mensagem, posta ou envia um e-mail.

Para isso, basta criar um link de pagamento e postar em qualquer rede social: a venda pode se concretizar na hora. Este link também pode ser compartilhado por Whatsapp, Messenger ou qualquer outro aplcativo de mensagem.

Também é possível enviar o link de pagamento por e-mail: basta adicionar o valor e o seu cliente receberá um e-mail com um link para pagá-lo.

 

O MercadoPago cobra tarifas por cada pagamento que você receber.

As tarifas são:

Cartão de crédito e dinheiro do Mercado Pago:

Dinheiro disponível na hora: 4,99%

Dinheiro disponível em 14 dias: 4,49%

Dinheiro disponível em 30 dias: 3,99%

Boleto:

Dinheiro disponível em 3 dias: R$3,49

 

O recebimento das vendas é simples> você vende, recebe na sua conta do Mercado Pago e, alguns dias depois, este dinheiro fica disponível para ser retirado para a sua conta bancária.

Para saber mais sobre a solução do Mercado Pago, clique aqui.

Planilha Fluxo de Caixa

PagSeguro

A PagSeguro também possibilita que você venda pelas redes sociais e Whatsapp.

Não precisa ter site, o recebimento e feito com segurança e esta acaba sendo mais uma das modalidades de pagamento que você pode oferecer para os seus clientes.

O abandono de pagamentos também não é um problema: o seu cliente é avisado por e-mail que os produtos estão disponíveis para compra!

Para realizar a venda, é simples: basta criar um link de pagamento acessando sua conta do PagBank pelo site pagseguro.com.br ou pelo app da PagSeguro. Depois é só criar o link de pagamento para o seu produto ou serviço, informando a descrição e valor da venda.

Depois é só compartilhar o link das redes sociais! Pode utilizar Facebook, Instagram, Twitter ou até mesmo pelo Whatsapp.

Ao clicar no link, o seu cliente será redirecionado para a página do PagSeguro, onde poderá fazer o pagamento.

Você pode receber o seu dinheiro em 30 dias com taxa de 3,99% + R$0,40 por venda ou receber em 14 dias com taxa de 4,99% + R$0,40 por venda.

Para mais informações sobre a solução da Pagseguro, clique aqui.

Conclusão

Uma coisa é fato: mesmo em períodos de crise, você pode conseguir manter suas vendas acontecendo à distância!

Por isso, não deixe de investir em delivery. Conheça as diversas soluções disponíveis (ifood, rappi, james delivery e outras) e adapte sua atividade para atender estes canais.

Atente-se também a criar promoções que podem aumentar seu ticket médio, além de prestar bastante atenção nos aspectos visuais de seu cardápio online.

Tire fotos atrativas, divulgue seu trabalho nas redes sociais e preste bastante atenção na segurança e saúde de todos os seus colaboradores.

Nova call to action